Seu browser não suporta scripts!

O Economia Histórico
História dos Supermercados Economia
  • 1969

A cidade, Carazinho. A família do Sr. Luiz Zanferrari chega à cidade, vinda do município vizinho de Passo Fundo, e instala um pequeno armazém numa das extremidades da avenida Flores da Cunha. Consigo, o Sr. Luiz traz sua esposa Olga Perin Zanferrari e seus quatro filhos: Doralei Maria, Adonai Antônio, Tânia Mara e Paulo Roberto.

 

  • 1971

Apenas dois anos após a chegada da família Zanferrari à Carazinho, o Sr. Luiz vem a falecer. Seus dois filhos mais velhos, Doralei (que já era sócia do armazém) e Adonai passam a tomar conta dos negócios da família, dedicando-se ao seu pequeno empreendimento.

 

  • 1976

Inauguram, no mesmo local do armazém, um superarmazém, expandindo sua atuação.

 

  • 1980

No mesmo local, surge o primeiro SUPERMERCADO DA ECONOMIA, que passa a oferecer atendimento de açougue, padaria e caixas.

 

  • 1990

Passados vários anos após esses primeiros empreendimentos da família Zanferrari em Carazinho, é chegada a hora de expandir os negócios. Os irmãos Doralei e Adonai, convidam então seu irmão Paulo, jovem recém formado em engenharia mecânica pela Universidade de Passo Fundo, para fazer parte dos negócios, agregando mais um sócio à empresa.

 

  • 1992

Inauguram mais um SUPERMERCADO ECONOMIA. Procurando agora chegar ao centro da cidade, instalam a nova loja na Rua Itararé.

 

  • 1994

           Passam-se mais dois anos, e a matriz da rede muda de endereço, passando a se situar na Avenida Flores da Cunha, 4260, Bairro Borguetti, em um prédio mais amplo e moderno. Essa grande mudança para a empresa Doralei Maria Leite coincidiu com um grande marco da economia brasileira, pois no dia primeiro de julho de 1994, enquanto era inaugurada a nova sede da matriz, entrava em vigor o Plano Real. A matriz sedia até hoje os setores administrativos, de compras, e o depósito central. Neste mesmo ano, a expansão dos negócios da família Zanferrari passa a ser notada por todos de forma mais evidente, demonstrando a vocação empreendedora dos irmãos que fazem parte da sociedade.

 

  • 1995

Os Supermercados Economia foram a primeira rede de Carazinho a automatizar seus caixas, instalando um dos sistemas de automação mais modernos que se encontravam no mercado.


  • 1997

       Outra loja é inaugurada na Avenida Flores da Cunha, tornando-se a Filial 2 da rede de supermercados. Nesse ano, o ranking da ASSOCIAÇÃO GAÚCHA DE SUPERMERCADOS aponta a empresa DORALEI MARIA LEITE E CIA LTDA de Carazinho, como a segunda empresa do ramo que mais cresceu no ano, passando da 37ª posição para a 26ª no ranking gaúcho e da 338ª para 259ª no ranking nacional.


  • 2000

No mês de Dezembro, consolidando sua expansão, a empresa inaugurou sua terceira loja, na Praça Central da Cidade, contando com bazar e restaurante terceirizado. Com a inauguração desta terceira loja, é fechada a loja da Rua Itararé, passando a Loja da Praça a ser a Filial 1 da rede.


  • 2001

           A empresa recebeu o reconhecimento da cidade da qual tem orgulho de fazer parte, através de seu diretor administrativo e de marketing, que foi agraciado pela comunidade empresarial com o prêmio João de Barro de excelência e empreendedorismo empresarial.

De seu grupo de colaboradores também fazem parte outros membros da família Zanferrari, assim como várias pessoas que trabalham na rede de supermercados desde os primeiros empreendimentos da família, demonstrando a valorização e o investimento que a empresa sempre procurou fazer nas pessoas que dedicam suas potencialidades para esse empreendimento. A empresa sempre priorizou o sistema de promoção de seus colaboradores, que muitas vezes iniciam em cargos de empacotador ou recepcionista e passam para outros setores agregando maiores responsabilidades e comprometimento com a empresa.

  •  Atualmente

Os SUPERMERCADOS ECONOMIA contam com cerca de 280 colaboradores (dados de maio 2009), que trabalham nos vários setores da empresa, como administração, compras, automação, ou nas lojas, em funções de gerência, chefia de caixas, de loja e de depósito, operador de caixa, empacotador, supridor, recepcionista, balconista, atendente de padaria e de feira, padeiro, confeiteiro, açougueiro, e seus respectivos auxiliares, vigias orgânicos, auxiliares de limpeza, entre outros.

O horário de funcionamento dos supermercados é bastante flexível, começando suas atividades do início da manhã e estendendo-se até a noite. O mercado da Praça , onde também funcionam um bazar e um restaurante, não fecha ao meio dia, facilitando assim a vinda de seus clientes em um horário alternativo. Todas as três lojas da rede contam com dois gerentes, que dividem a administração das mesmas, liderando uma equipe de, em média, cem pessoas em cada um dos estabelecimentos.

As lojas contam com os seguintes setores: frente de loja, mercearia, bazar, açougue, padaria e feira, além de depósito e estacionamento para os clientes. Cada setor da loja é chefiado por um ou mais colaboradores, que comandam suas equipes nas atividades. Os colaboradores podem ser efetivados ou participar do programa Aprendiz, uma iniciativa da empresa de proporcionar o primeiro emprego a mais de quarenta jovens com idades entre dezesseis e vinte e quatro anos, em diversos setores. 

Os SUPERMERCADO ECONOMIA se consolidam como uma rede de supermercados com três grandes lojas em Carazinho, em pontos nobres da cidade, tendo na diretoria, Paulo, diretor administrativo e de marketing e Carine diretora financeira.

A empresa, conhecendo seu compromisso com a comunidade carazinhense, procura apoiar diversos eventos culturais que são realizados na cidade, assim como faz parte de campanhas de solidariedade visando o benefício da população mais carente e realiza doações periódicas à diversas associações e entidades assistenciais de Carazinho.